CPF pode ser bloqueado por dívida?

cpf pode ser bloqueado por divida

Será que um CPF pode ser bloqueado por dívida? Acompanhe este artigo e descubra tudo sobre a situação do seu CPF!

Tem muita gente que não sabe, mas o CPF pode ser bloqueado.

Por outro lado, precisamos de cuidado para entender qual a real situação cadastral do CPF.

Então quando se perguntar como saber se o CPF está bloqueado, pode ser que o seu documento esteja em uma situação diferente da que se espera.

Mas será que é possível um CPF bloqueado por alguma dívida?

CPF bloqueado por dívida: isso é possível?

Será que existe um CPF bloqueado por dívida?

A maioria de nós entendemos que o CPF é um de nossos documentos mais importantes.

Cada cidadão possui um CPF (Cadastro de Pessoa Física) e esse número é pessoal e intransferível.

Por isso fazer de tudo para que não ocorra nenhum tipo de irregularidade, é uma tarefa que todos devemos aderir.

Outra coisa que vem junto dessa responsabilidade, é prestar atenção em situações que podem causar um status de bloqueado em seu CPF e muita gente acredita se tratar de dívida.

Quer saber quais são as situações em que a Receita Federal pode deixar o CPF bloqueado?

Então continue acompanhando a leitura para descobrir se dívida é a causa de um CPF bloqueado!

As dívidas podem levar o CPF a ser bloqueado?

Alguns motivos podem gerar o bloqueio do CPF e não é difícil de uma ocasião como essa passar despercebida.

Por isso o cidadão deve estar sempre atento a estas situações que levam ao bloqueio do documento.

Muita gente acredita que dívida é a única causa que leva um CPF ao status de bloqueado, mas será que é isso que acontece?

Para facilitar a compreensão, elencamos alguns motivos que podem provocar uma situação cadastral de CPF bloqueado.

Veja abaixo quais são elas:

  • Inadimplência;
  • Duplicidade do registro;
  • Inconsistências nas informações concedidas; 
  • Imposto de Renda não declarado;
  • Entre outras situações.

Em muitos desses casos, o cidadão pode regularizar sua situação pela internet, através do site da Receita Federal.

Se tiver maiores dúvidas a respeito de porquê uma dívida pode tonar seu CPF bloqueado, continue acompanhe os próximos tópicos!

👉 Seu nome foi negativado indevidamente? Descubra agora seus direitos!

O que acontece se uma dívida deixa meu CPF bloqueado?

Ter um CPF bloqueado pode trazer uma grande dor de cabeça para o cidadão brasileiro.

Isso porque a pessoa fica impedida de realizar diversas atividades financeiras, como abrir novas contas em bancos ou até alugar imóveis, por exemplo.

Como dissemos, o CPF é um dos principais documentos e por isso é tão importante ter os devidos cuidados.

Antes de tudo, cuidado para não confundir a consulta de dívidas no CPF com a situação cadastral do seu documento, pois são coisas bem diferentes.

Quando há irregularidade no CPF, como perceber que está bloqueado, por exemplo, o cidadão deve tomar alguns cuidados para resolver essa situação.

Então se você quiser descobrir que uma possível dívida pode ter bloqueado o seu CPF, a primeira coisa a fazer é consultá-lo no site da Receita Federal.

Lá, o sistema deve gerar uma documentação do Ministério da Fazenda que sinaliza as possíveis pendências.

Entenda os tipos de bloqueio do CPF

Há diferentes motivos para que um CPF seja bloqueado além das dívidas.

Como dissemos, para saber se o seu documento se encontra nessa situação, quem define é a Receita Federal.

Google ADS NNI 1200 × 628 px 960 × 750 px 1

Então você precisa verificar diretamente com o órgão para ver se há algum tipo de impedimento no seu CPF.

Se surgir algum tipo de irregularidade, isso indica que o cidadão não está prestando contas à fazenda nacional como deveria.

Mas em outros casos, pode ser que se trate de alguma irregularidade cadastral pendente.

Para ficar mais fácil, separamos os casos além de dívidas do consumidor para que o CPF possa ficar com a situação de bloqueado.

1. Bloqueio por irregularidade

Quando você se perguntar o que é CPF irregular, esse status certamente está relacionado à não entrega do Imposto de Renda.

Sendo assim, quando o contribuinte tem alguma pendência com o fisco, A Receita Federal realiza o bloqueio do CPF.

Além disso, existem casos em que o CPF fica bloqueado por inconsistência nas informações prestadas.

Mas é possível regularizar a situação ao acessar o Portal e-CAC neste link.

Outra coisa que é importante entender é que o CPF só fica bloqueado em caso de dívida, se essa inadimplência estiver relacionada à Receita Federal.

Isso porque credor nenhum tem o poder de cancelar o seu CPF se você possuir alguma dívida com qualquer empresa que seja.

2. Bloqueio por informação cadastral inconsistente

Agora que você já entendeu que o seu CPF não pode ser bloqueado por uma dívida qualquer, outra situação que pode trazer complicações são inconsistências cadastrais.

Ou seja, se as suas informações cadastrais na Receita Federal estiverem inconsistentes ou desatualizadas, há risco de ficar com o CPF bloqueado.

Essa suspensão só ocorre quando há desalinhamento dos dados pessoais junto do Ministério da Fazenda em relação às informações do cadastro na Justiça Eleitoral.

Neste caso, é preciso fazer a atualização para regularizar a situação.

Se isso for o seu caso, poderá regular sua situação no site da Receita Federal.

Caso seja um ajuste simples, em até 72 horas a situação estará regular, mas existem outras situações mais complicadas em que se requer um atendimento presencial.

3. Bloqueio por cancelamento

Outro caso em que se identifica um CPF bloqueado é por meio de duplicidade de cadastro (um mesmo cidadão ter dois CPFs), fraude comprovada, falsa identidade, entre outros.

Então se você foi vítima de alguma fraude, erro ou engano, você precisa ir à uma agência para comprovar o engano.

Recomenda-se que você leve o máximo possível de documentos de identificação, como CPF, identidade, título de eleitor e comprovantes de endereço.

4. Bloqueio por morte

Esse é um casos de conhecimento da maioria.

Em situações em que um indivíduo morre, há necessidade de realizar o bloqueio de seu CPF.

Esse procedimento é automático, ou seja, a partir da emissão do atestado de óbito, a situação do documento passa por uma atualização.

Nos casos exclusivos em que o indivíduo possui esse status por engano, é preciso se dirigir à uma agência para atendimento presencial.

Agora que você já sabe que o CPF não é bloqueado por qualquer dívida, leia o tópico a seguir e conheça a Resolvvi!

💡 Conheça a Resolvvi

💡 Já parou para pensar no número de consumidores que nunca buscou seus direitos porque não os conhece bem ou acha que não vai dar em nada?

A Resolvvi é uma startup que tem como missão garantir o acesso à justiça para todos os brasileiros.

Este conteúdo é parte desse propósito e vai ajudar você a caminhar até os seus direitos como consumidor. Vamos com a gente?

Nos siga nas redes sociais:

E também faça parte da nossa comunidade de consumidores que não deixam barato e querem fazer justiça.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *