Tempo de leitura: 8 minutos

Pode levar comida congelada no avião? Descubra as regras

Quer saber se pode levar comida congelada no avião para dividir as experiências da viagem com sua família e amigos? Então este artigo é para você!

Quanto mais completa a experiência em uma viagem, melhor ela tende a ser, não é verdade?

Nesse sentido, quanto mais se conhece a cultura de um lugar, melhores serão as lembranças daquela viagem.

E como a gastronomia local tem um papel de destaque em uma cultura, ela não pode deixar de proporcionar viver essa experiência, certo?

E melhor ainda é pode levar de volta para casa as comidas típicas descobertas na viagem, seja para se deliciar em outros momentos ou para presentear parentes e amigos.

Sendo assim, se você foi ao Pará, por exemplo, pode ser que seja de seu interesse trazer açaí e peixes para casa.

E como esses alimentos são perecíveis, é necessário que sejam transportados congelados.

Mas será que pode levar comida congelada no avião?

Se essa é a sua dúvida, não deixe de acompanhar este artigo, pois aqui trouxemos a resposta!

Ficou curioso(a)? Então, boa leitura!

Os tipos de bagagem

É possível que você conheça bem os dois tipos de bagagem: de mão e despachada.

No entanto, para entender mais sobre levar comida no avião, é necessário que você os conheça bem.

Sendo assim, aqui vai:

  • Mala de mão: Todo passageiro tem direito à uma mala de mão (de 10 kg, na grande parte das companhias) a ser transportada consigo na cabine do avião, abaixo do assento da frente ou no bagageiro acima dos assentos;
  • Bagagem despachada: Algumas tarifas de passagens aéreas já incluem um volume para despache enquanto a maioria, não. Normalmente esse volume pode pesar até 23 kg e seu transporte é no compartimento de carga da aeronave.

Se a sua tarifa não inclui mala despachada, é possível contratar junto à companhia.

Quanto antes contratar, mais barato você irá pagar.

Ter tudo isso em mente é importante para saber onde você pode levar a sua comida congelada no avião, bem como para evitar problemas com excesso de bagagem!

👉 Teve problemas com seu voo? Descubra agora seus direitos!

Afinal, pode levar comida congelada no avião?

De antemão, saiba que sim, você pode levar comida congelada no avião.

No entanto, vale levar alguns pontos em consideração:

  • Tipo de voo, se doméstico ou internacional;
  • Os tipos de comida permitidos a depender do destino;
  • A quantidade;
  • Em qual bagagem transportar, se na de mão ou na despachada.

Com base nisso, continue a leitura, pois nos próximos tópicos apresentaremos as regras para levar comida congelada no avião levando esses pontos em consideração.

Mas antes, que tal aproveitar a oportunidade para receber o nosso guia de direitos do passageiro? Deixe seu e-mail abaixo e receba grátis:

Levar comida congelada na bagagem de mão em voo nacional

Em voos nacionais as restrições para levar comida congelada na bagagem de mão no avião são bem flexíveis.

Sendo assim, você pode sim levar comidas congeladas na bagagem de mão no avião em voos nacionais, tais como:

  • Açaí;
  • Peixes;
  • Camarões;
  • Carnes.

O mais importante, porém, é saber que os alimentos congelados devem estar bem acondicionados, rotulados e serem transportados em isopores, com gelo em gel e bem vedados, ou em caixas térmicas herméticas.

Mas atenção: fique atento(a) ao tamanho e peso desse item, pois ele não deixa de ser considerado como bagagem de mão.

E não se esqueça de usar do bom senso.

Se aquele alimento emite odores muito fortes e que ultrapassam a vedação do isopor ou caixa térmica, é melhor evitar.

Leia também: Comida vegetariana no avião: aprenda a solicitar

Levar comida congelada na bagagem de mão em voo internacional

Se você vai fazer uma viagem internacional apenas com a bagagem de mão e quer levar comida congelada, sofrerá muitas restrições, mas não desanime ainda!

Começamos por falar nos produtos líquidos, pastosos, em gel ou creme:

  • Em voos internacionais o transporte de produtos dessas naturezas não pode ser em embalagens superiores a 100 ml;
  • A soma desses frascos não pode ultrapassar um litro.

Mas aí você pode questionar: “A comida congelada que quero levar no avião não é de nenhuma dessas naturezas, então qual a importância disso?”.

Bom, você tem razão em questionar.

Mas mencionar essa restrição é uma forma de te fazer entender que as regras para transporte de produtos na mala de mão em voos internacionais são muito rígidas.

Além disso, não só as regras da companhia ou da ANAC são importantes aqui.

Na verdade, é importante saber que as legislações dos próprios países são muito rigorosas a respeito da entrada de alimentos de origem animal ou vegetal vindo de outros.

Por exemplo, se você está vindo para o Brasil, saindo de um outro país, saiba que aqui as regras também são bem limitadoras.

Isso porque, qualquer produto de origem animal ou vegetal só pode entrar no Brasil se submetido à análise de riscos sanitários e fitossanitários pelo Ministério da Agricultura.

Além disso,  estes produtos devem obedecer os requisitos de identidade e qualidade correspondentes.

Por isso, o mais importante aqui é se informar junto à companhia e no consulado ou embaixada do país aonde pretende viajar.

Se as informações forem favoráveis ao transporte, basta que você siga todas as regras informadas.

E na bagagem despachada?

Aqui vale retomar os pontos já mencionados: o tipo de voo, as bagagens e dimensões delas e o tipo de alimento.

No caso dos voos nacionais, você pode levar comida congelada na bagagem despachada, que vai no compartimento de carga do avião, sem muitas preocupações.

Os tipos de alimentos são os mesmo mencionados no tópico sobre bagagem de mão em voo nacional e devem seguir as mesmas regras lá mencionadas.

Inclusive, se desejar, você pode despachar o seu isopor ou caixa térmica como bagagem despachada, desde que respeite tamanho e o peso e a identifique como item congelado/resfriado.

No caso dos voos internacionais, as informações apresentadas no tópico sobre comida congelada na bagagem de mão nesse tipo de voo também servem aqui.

Ou seja, é necessário consultar as regras da companhia aérea e as restrições do país de destino sobre transporte de alimentos de origem animal ou vegetal.

Como acondicionar a comida congelada para levar no avião?

Primeiramente, coloque a comida em um recipiente hermético ou em um saco de congelamento que possa ser fechado hermeticamente.

Se você usar um recipiente, certifique-se de que o lacre esteja correto para que não haja vazamentos.

Para manter a comida congelada no avião durante o voo, utilize gelo em gel ou faça gelo em uma embalagem plástica que não vaze.

Não esqueça de vedar o seu isopor ou caixa térmica com um uma boa quantidade de plástico filme ou com um saquinho de viagem (tipo zip lock), que é vendido até mesmo no aeroporto.

Por último, opte por guardar o recipiente em uma mala com rodas para ajudar no trasnporte e identificar aquele volume como sendo de alimento congelado.

Seguindo todas essas instruções e as regras que mencionamos durante todo o artigo, é improvável que você tenha problemas.

E aí, gostou de saber como levar comida congelada no avião? Então não deixe de acompanhar o Portal Resolvvi para mais dicas para a suas viagens!

Conheça a Resolvvi

💡 Já parou para pensar no número de consumidores que nunca buscou seus direitos porque não os conhece bem ou acha que não vai dar em nada?

A Resolvvi é uma startup que tem como missão garantir o acesso à justiça para todos os brasileiros.

Este conteúdo é parte desse propósito e vai ajudar você a caminhar até os seus direitos como consumidor. Vamos com a gente?

Nos siga nas redes sociais:

E também faça parte da nossa comunidade de consumidores que não deixam barato e querem fazer justiça.

Giovanna Damasceno da Resolvvi

Giovanna, ou Gio, é licencianda em Letras/Inglês de formação, mas é também fã de carteirinha do poder que o marketing de conteúdo tem para educar pessoas, principalmente quando o assunto é os direitos que as pessoas não sabem que têm.

Todos os posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *