Cobrança de juros abusivos, o que fazer? Aprenda agora!

obrança de juros abusivos

Você recebeu uma cobrança de juros abusivos e não sabe o que fazer? Então acompanhe este artigo e aprenda agora!

Hoje em dia muitas pessoas optam por parcelar suas compras. Dessa forma as empresas cobram uma taxa de juros em cima do valor pago pelo consumidor.

Mas mesmo com a existência de uma regulação que protege os consumidores, algumas empresas agem de má fé e cobram um taxa de juros considerada abusiva.

Por falta de informação, os clientes acabam pagando por esse juros abusivos pois não conhecem os seus direitos.

Acreditamos que um consumidor bem informado é mais capaz de lutar pelos seus direitos.

Então se você está passando se perguntando “Cobrança de juros abusiva o que fazer?” Siga nossas dicas e saiba agora!

Cobrança de juros abusiva o que fazer: O que significa juros abusivos?

Primeiramente, você sabe o que é taxa de juros e quando ela é abusiva?

Muitas pessoas passam por essa situação e não sabem nem o que é taxa de juros, juros abusivos e muito menos entendem os seus direitos.

Se você faz parte das pessoas que não sabem esses pontos, não se preocupe! Pois iremos lhe explicar de um modo simples e resumido!

Você sabe o que é taxa de juros?

De uma forma resumida a taxa de juros nada mais é do que um valor extra que você paga além do valor que você pegou emprestado, como se fosse um aluguel.

Ou seja, se você faz um empréstimo, precisa pagar pelo valor total do empréstimo e também um valor extra.

Afinal, o que é taxa de juros abusiva?

O Banco Central (Bacen) é o responsável que determina se as taxas médias de juros.

A partir dele você pode se basear para saber se o que lhe está sendo cobrado está semelhante a essa taxa ou não.

Dessa forma, o valor que ultrapassar essa taxa média determinada pelo Bacen, é considerado taxa de juros abusiva.

Então, caso isso esteja acontecendo com você, saiba como processar banco por juros altos, além de acompanhar a leitura completa deste artigo.

obrança de juros abusivos

Cobrança de juros abusiva o que fazer?

Agora que você já sabe o que significa taxa de juros e taxa de juros abusivas, provavelmente ainda deve está se perguntando “Cobrança de juros abusiva o que fazer?”.

Recorrer aos juros abusivos iniciando uma Ação Revisional de Juros é a providência mais recomendada a se fazer quando você estiver pagando juros abusivos.

Essa Ação revisional é um processo judicial que tem como objetivo rever o contrato e calcular os percentuais de juros cobrados para identificar a existência de tarifas consideradas abusivas.

Então o consumidor precisa recorrer a Justiça, contando com a avaliação de um juiz especializado e permite, ainda, a contratação de um advogado para acompanhar o caso.

Porém o consumidor também pode ir diretamente ao Procon.

Ainda assim, de acordo com o Código de Defesa do Consumidor, quando existe a constatação de cobrança de juros indevidos, os valores que já foram pagos pelo consumidor devem ser devolvidos em dobro.

Afinal, segundo o Banco Central, os juros podem ser considerados abusivos quando estiver acima da taxa média praticada pelo mercado.

E como reconhecer uma taxa de juros abusivas?

Após todas essas informações sobre cobrança de juros abusiva o que fazer, também é necessário que você entenda de uma vez por todas como saber se a taxa de juros é abusiva.

Então vá no próprio site do Bacen e utilize Calculadora do Cidadão, disponibilizada para todo o público de forma gratuita.

Nela, você preenche os dados do financiamento e gera o resultado verdadeiro do financiamento de acordo com os juros.

Apesar da calculadora pedir 4 dados, mas o usuário precisa apenas preencher 3 dados na calculadora, como o número de meses, taxa de juros ao mês, valor da parcela e valor financiado.

Assim, com o cálculo, dá para saber qual o valor será pago ao final do financiamento e qual o valor total de juros pago.

Portanto, esse tipo de cálculo é ideal para descobrir se os juros são abusivos ou se estão conforme as práticas estabelecidas no mercado.

Como evitar cobrança de juros abusiva?

A forma mais fácil de evitar uma cobrança de juros abusiva é ler com cuidado as cláusulas do contrato de empréstimo ou financiamento antes de assiná-lo.

No documento deve ter a taxa de juros que você irá pagar e também o valor total a ser pago.

Mas, se você pretende fazer um empréstimo e quer evitar pagar juros abusivos, faça uma simulação utilizando a Calculadora do Cidadão, explicada no tópico anterior.

Um modo de também evitar cobrança de juros abusivas é se atentando aos possíveis empréstimos e financiamentos futuros.

Abaixo separamos os principais exemplos de cobrança de juros abusivos, confira:

  • Juros abusivos no cartão de crédito;
  • financiamento de veículos; e
  • Cobranças abusivas no empréstimo consignado.

Outro ponto fundamental para evitar cobrança de juros abusiva é fazer planejamento financeiro.

Nós temos um modelo de planilha de planejamento financeiro que lhe ajudará a economizar!

Sendo assim, você não precisará pedir empréstimos e cair em armadilhas.

Pois se você não sabe há como sair das dívidas ganhando pouco.

Agora que você já sabe tudo sobre cobrança de juros abusiva o que fazer, não deixe de ler o tópico a seguir e descobrir como a Resolvvi atua na busca pelos seus direitos!

Conheça a Resolvvi

💡 Já parou para pensar no número de consumidores que nunca buscou seus direitos porque não os conhece bem ou acha que não vai dar em nada?

A Resolvvi é uma startup que tem como missão garantir o acesso à justiça para todos os brasileiros.

Este conteúdo é parte desse propósito e vai ajudar você a caminhar até os seus direitos como consumidor. Vamos com a gente?

Nos siga nas redes sociais:

E também faça parte da nossa comunidade de consumidores que não deixam barato e querem fazer justiça.

Sobre o autor(a)