CPF negativado: O que acontece na sua vida?

CPF negativado o que acontece

Está com o CPF negativado e quer descobrir o que acontece? Então acompanhe este artigo e descubra agora as consequências de uma negativação!

Nem todo mundo sabe quais são as consequências de ter o nome negativado.

Mas é fato que o consumidor enfrenta muitas dificuldades quando deixa de cumprir com suas responsabilidades financeiras.

Apesar de existir uma parcela de consumidores que prezam pelo pagamento das dívidas por temer o que pode acontecer, nem sempre é o desejo de alguém cultivar uma dívida.

Além disso, segundo pesquisas oriundas da Serasa, o mapa da inadimplência aponta, na mais recente divulgação, que 69 milhões de brasileiros estão inadimplentes.

Isso significa que por algum motivo boa parcela da população no Brasil não está conseguindo pagar suas dívidas.

Quer saber o que acontece quando alguém fica com o CPF negativado e também buscar soluções para esse problema? Então confira a leitura com atenção!

Veja como saber se seu CPF está negativado e o que acontece

Em resumo, quando acontece uma situação em que o consumidor acumula uma dívida há muito tempo, o seu CPF fica negativado nos registros de proteção ao crédito.

Ter o CPF negativado é o mesmo que ter o nome sujo, por isso o consumidor vai enfrentar as barreiras de cultivar a dívida que gerou essa negativação.

No entanto, um cuidado que todos devemos ter é prestar atenção para não confundir dívidas vencidas e negativadas.

São duas coisas diferentes, pois a negativação do nome e CPF só acontece quando a dívida já venceu há algum tempo e nada foi feito a respeito.

Portanto, as empresas têm autorização a encaminhar o nome do cliente inadimplente como estratégia de receber o valor que lhe deve.

Nesse sentido, quando termos uma dívida vencida, isso quer dizer apenas que um boleto passou do vencimento.

Caso você não faça nada a respeito, aí sim você correrá o risco de ter o CPF negativado e depois terá que arcar com as consequências do que acontece após isso.

Se mesmo com a explicação você ainda tiver dúvidas, o que pode ajudar nesse momento é fazer uma consultar para ter certeza de que seu CPF está negativado.

uma das maneiras de fazer isso é consultar dívidas no CPF pela própria Serasa.

Para isso, basta seguir o passo a passo:

  1.  Acesse o site da Serasa;
  2. Clique em “Consultar CPF grátis”;
  3. Faça o cadastro, se não for cadastrado;
  4. Confirme o seu e-mail, se precisar se cadastrar;
  5. Entre com seu CPF e senha;
  6. Clique em “Meu CPF” e consulte se há pendências.

Vale lembrar que esse procedimento é totalmente gratuito.

👉 Seu nome foi negativado indevidamente? Descubra agora seus direitos!

Afinal, o que acontece se meu CPF estiver negativado?

Agora que você já entendeu como identificar um CPF negativado, precisamos saber o que acontece depois disso.

Em primeiro lugar, uma coisa que acontece quando o consumidor fica com o CPF negativado é uma diminuição do seu Score.

Então se surgir uma situação em que você percebeu que seu score baixou do nada, acredite: isso não foi por acaso.

E isso está diretamente ligado a mais uma consequência do que acontece quando o CPF fica negativado.

Isto é, além da diminuição do score, o consumidor passa a enfrentar muita dificuldades na obtenção de crédito.

Google ADS NNI 1200 × 628 px 960 × 750 px 1

Por que essas duas coisas se conectam, você deve estar se perguntando, mas bata imaginar:

Se os scores funcionam para atribuir um determinado parâmetro de confiança um consumidor, uma vez que esse número diminui, a confiança também reduz.

Portanto, se o cliente é pouco confiável, o esperado é que as empresas financiadoras não concedam crédito para este indivíduo.

Além disso, é possível imaginar que outras barreiras financeiras virão no meio disso.

Por isso existe tanta preocupação em relação a produtos ou serviços que podemos adquirir apesar de ter o nome sujo no mercado.

Hoje em dia já existem muitos benefícios para quem tem CPF negativado, mas o que acontece também é o fato de existirem muitas tarifas envolta desses serviços.

Portanto, se estiver com o CPF negativado, pense bem antes de fechar qualquer negociação e avalie se realmente é uma boa ideia arcar com mais dívidas por aí.

Por que manter o CPF limpo se a minha dívida pode caducar daqui a alguns anos?

Pode não parecer, mas essa é uma pergunta muito recorrente entre os consumidores que acabam ficando com o CPF negativado.

Para quem não sabe, uma dívida caduca após 5 anos, isso significa que ela não desaparecerão registros desse débito.

Mas este é o prazo máximo para que as empresas possam cobrar judicialmente uma dívida.

Por isso muita gente acaba se acomodando e opta por não realizar o pagamento desses valores, já que seu nome estará livre dos registros.

No entanto, não é bem assim que acontece, pois uma vez que o CPF fica negativado, o nome desse consumidor constará em “listas ocultas” das financeiras.

Ou seja, mesmo que seu CPF não conste nos registros de proteção ao crédito, muitas empresas podem ter conhecimento do histórico desse consumidor.

Como a própria empresa que você deixou de pagar, por exemplo, dificilmente você conseguirá voltar a fazer algum tipo de negociação.

Portanto, a melhor opção é sempre escolher pagar suas dívidas, independente do tempo que passar.

Isso porque demonstrará para o mercado financeiro o quanto você se dispõe a cumprir com suas obrigações enquanto consumidor.

E no fim das contas, o que mais se leva em consideração é o quanto um indivíduo está disposto a sempre prezar pelas suas responsabilidades.

Você chegou até aqui porque queria descobrir o que acontece quando alguém fica com o CPF negativado e de quebra pôde conferir outras informações valiosas.

Então não deixa de compartilhar este conteúdo e confira o tópico a seguir para não dar bobeira na hora de exigir os seus direitos por aí!

💡 Conheça a Resolvvi

💡 Já parou para pensar no número de consumidores que nunca buscou seus direitos porque não os conhece bem ou acha que não vai dar em nada?

A Resolvvi é uma startup que tem como missão garantir o acesso à justiça para todos os brasileiros.

Este conteúdo é parte desse propósito e vai ajudar você a caminhar até os seus direitos como consumidor. Vamos com a gente?

Nos siga nas redes sociais:

E também faça parte da nossa comunidade de consumidores que não deixam barato e querem fazer justiça.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *