Dívida negativada: O que significa e como resolver?

dívida negativada

Busca saber o que é uma dívida negativada e como resolver? Não deixe de conferir este artigo e ficar por dentro das principais informações!

Não é novidade que dívidas são um problema comum entre os brasileiros, sobretudo diante dos altos índices de desemprego após a pandemia da COVID-19.

Atualmente, mais de 60 milhões de pessoas somam a marca da inadimplência, segundo dados do SPC Brasil.

Por outro lado, muitos não sabem o que significa dívida negativada ou como se livrar desse problema.

Sabendo disso, escrevemos este artigo por acreditarmos que todo consumidor tem direito à informações acerca de todos os problemas que podem enfrentar.

Ficou curioso(a)? Então não deixe de acompanhar a leitura e ficar por dentro de tudo sobre dívida negativada!

👉 Quer exigir seus direitos e ser indenizado por nome negativado indevidamente? Verifique grátis agora mesmo!

O que significa dívida negativada?

Ter uma dívida negativada significa que o consumidor possui débito com alguma empresa.

Como resultado, a empresa inscreve o nome do consumidor nos órgãos de proteção ao crédito, ou seja, suja o nome.

Por isso o consumidor pode passar por dificuldades, que são consequências da negativação, como:

  • Recusa de contratação em uma vaga de emprego;
  • Não conseguir empréstimos;
  • Dificuldade para conseguir cartões de crédito; 
  • Ter valores descontados de sua conta corrente sem aviso prévio;
  • Ficar impossibilitado de abrir conta bancárias;
  • Sofrer cobranças na Justiça e fora dela;
  • Ter o score reduzido, o que pode dificultar algumas compras como imóveis, já que possuem um valor mais caro.

Porém, além de saber o que significa dívida negativada, é importante ressaltar que a empresa pode pressionar ainda mais o cliente para realizar o pagamento.

Ou seja, uma vez que o credor verifica a falta de pagamento, negativar uma dívida pode ser uma ferramenta para gerar urgência ao esperar que o consumidor pague o débito o quanto antes.

Por isso ter o nome negativado é uma situação que pode gerar muito estresse e dor de cabeça.

E tudo isso certamente permanecerá enquanto o devedor não renegociar e quitar a dívida.

👉 Pagou uma dívida negativada e a empresa não limpou o seu nome? Exija uma idenização!

Como consultar uma dívida negativada?

Depois de descobrir o que significa dívida negativada, é importante saber que existem algumas maneiras de verificar se você está ou não negativado.

A forma mais comum é comparecer pessoalmente aos birôs de órgãos de proteção ao crédito, como SPC ou Serasa.

Para que a verificação seja feita, basta levar seus documentos de identificação e ter em mãos seu CPF.

No entanto, é possível identificar uma dívida negativada no Serasa, SPC ou SCPC de maneira rápida e sem sair de casa.

Portanto, basta acessar os sites do SPC Boa Vista, Serasa ou SPC e seguir nosso passo a passo:

  1. Escolher o site do órgão de proteção que você irá acessar;
  2. Fornecer seus dados de CPF;
  3. Preencher um rápido cadastro no site escolhido para verificar ao final se está negativado.

Fazer esta verificação pode ser muito importante para que você saiba se uma dívida realmente está ou não negativada.

Além disso, verificar o CPF pode ser importante para descobrir se você não foi vítima de nome negativado indevidamente.

Isso porque dívida negativada também pode gerar uma negativação indevida, que pode ser resultado de algumas situações, como:

  • Uma conta já paga;
  • Por uma cobrança indevida;
  • Por dívidas que resultam de fraudes e golpes, como cartão clonado;
  • Quando o consumidor já negociou e pagou uma dívida mas que ela continua negativada mesmo após dias úteis.

Por mais absurdo que pareça ser, este problema é muito comum.

Então uma dívida negativada pode ser indevida?

Como já mencionamos, sim, infelizmente um consumidor pode ser vítima de negativação indevida.

Diante disso, ele ou ela possui dois direitos principais:

  • Exigir que a empresa retire o nome da órgão de proteção ao crédito com urgência;
  • Pedir indenização por danos morais.

Se for o seu caso, não deixe de contar com a Resolvvi para fazer justiça!

Avaliando o seu caso grátis em nosso site, te ajudaremos a dar entrada no pedido de indenização de forma online e sem burocracias!

E o melhor de tudo: você só paga se ganhar!

Falando nisso, que tal receber o nosso guia para ser indenizado? Basta deixar seu e-mail abaixo para receber grátis:

Qual a diferença entre dívida negativada e conta atrasada?

Para você que quer aprender o que significa dívida negativada, há um detalhe muito importante e que não pode passar despercebido.

Pode não parecer, mas existe uma diferença entre dívida negativada e conta atrasada!

Em suma, uma dívida negativada significa possuir uma débito com alguma empresa, que posteriormente foi inscrita nos órgãos de proteção ao crédito, como SPC ou Serasa.

Ou seja, quando o consumidor tem o nome sujo por uma dívida não paga dentro do prazo de vencimento.

Como resultado, a pessoa que deve pode sofrer algumas consequências no mercado, como você pôde observar no tópico anterior.

Por outro lado, uma conta em atraso remete a uma conta que não foi paga ainda.

Isto é, uma conta cujo pagamento precisa ser realizado dentro de um prazo.

Portanto, quando o consumidor não cumpre o pagamento dentro do vencimento, significa que a conta está atrasada.

O que o CDC diz sobre dívida negativada?

Mesmo diante de uma situação de inadimplência, o Código de Defesa do Consumidor entra em ação!

Isso porque ele determina algumas medidas a serem seguidas pelas empresas ao negativar uma dívida, ou seja, o nome do consumidor.

Portanto, leia a seguir as determinações do CDC sobre negativação de dívida.

1 – As cobranças devem ser feitas de forma digna e moderada

Se empresa credora, mesmo que diante de uma dívida legítima, constranger o devedor ou ferir a sua dignidade, estará cometendo cobrança abusiva, o que é ilegal.

Por se tratar de uma ação ilegal, a empresa poderá sofrer multa ou detenção.

Dentre as formas de cobrança abusiva, podemos destacar:

  • Fazer ligações em horário inconveniente e de maneira insistente;
  • Demonstrar publicamente que o consumidor está inadimplente;
  • Ameaçar diretamente o devedor ou seus familiares, tanto moral quanto fisicamente.

Se você for cobrado(a) dentro de uma de das formas acima, não deixe de acionar a justiça para buscar os seus direitos!

2 – Notificar sobre a negativação com antecedência

Diante das várias consequências que pode sofrer, o devedor não pode ser pego de surpresa!

Isso significa que, apesar de ter o direito de negativar o consumidor, o credor deve informá-lo com antecedência.

Portanto, o período pode ser a oportunidade de credor e devedor entrarem em um acordo que pode até mesmo evitar que a dívida seja negativada.

3 – Ao quitar a dívida negativada, o nome do consumidor deve ser limpo em até 5 dias úteis

Caso o consumidor tenha pago completamente o débito, a empresa deverá retirar a restrição do nome em até 5 dias.

Do contrário, a empresa que não cumpriu com o determinado deverá pagar uma indenização ao consumidor, pois isso se configura como negativação indevida!

Isso porque o cliente pode sofrer impactos negativos por ficar com o nome sujo.

Estou com uma dívida negativada, o que fazer?

Antes de tudo, a melhor solução é identificar a causa da negativação e se a dívida realmente foi feita por outra pessoa ou se você é o devedor.

Caso você esteja com valores pendentes e legítimos, a melhor solução é buscar pagar os valores por meio de uma negociação.

Sendo assim, o melhor a se fazer é entrar em contato com o credor, de maneira direta, ou por meio de plataformas intermediárias de negociação.

Por exemplo, através Serasa Consumidor, você pode conferir as melhores ofertas e propor outras condições.

Em resumo, o passo a passo ideal para sair das dívidas é:

  1. Fazer um novo planejamento financeiro para saber como pagar as dívidas e sair do vermelho;
  2. Consultar seu nome e verificar quais os valores pendentes;
  3. Negociar com o fornecedor;
  4. Pagar o acordo e esperar seu nome ser retirado do cadastro de inadimplentes.

E lembre-se, após negociar e pagar as dívidas negativadas, a empresa tem 5 dias úteis após o pagamento para limpar o seu nome!

Já fez o pagamento da dívida e seu nome ainda está no negativo?

Agora que você já sabe o que significa dívida negativada e conhece todas as consequências que ela pode lhe trazer, fique atento!

Em alguns casos, mesmo após o pagamento, o consumidor ainda continua negativado. 

Isso pode acontecer por erro da própria empresa que fez a cobrança.

Como você leu, a empresa precisa cumprir um prazo de 5 dias após o pagamento da dívida para retirar a restrição no nome do devedor.

Portanto, quando descumpre esse prazo, o consumidor sofre a consequência de continuar com o nome negativado, desta vez indevidamente.

Por esse motivo, manter o nome do devedor sujo após o pagamento da dívida, é considerada uma prática ilegal.

Isso porque o consumidor tem sua imagem prejudicada no mercado por culpa de um erro da empresa credora.

No entanto, como já mencionamos, a vítima de negativação indevida pode exigir que o nome seja limpo com urgência e ainda pedir uma indenização por danos morais por negativação inevida.

Para pedir a compensação em dinheiro, serão necessárias algumas provas, como:

  • O comprovante de negativação (que pode ser um print que comprove a restrição do nome nos órgãos de proteção ao crédito);
  • Os comprovantes de pagamento da dívida;
  • Todos os e-mails trocados entre o consumidor e a empresa credora, principalmente os que confirmam o acordo ou renegociação de dívidas.

Com as provas em mãos, basta contar com a Resolvvi!

Avaliando o caso gratuitamente em nosso site, nós ajudaremos o consumidor prejudicado com o pedido de indenização de forma online e sem burocracias!

Além disso, a taxa de serviço só será cobrada se ganhar o pedido!

Conheça a Resolvvi

💡 Já parou para pensar no número de consumidores que nunca buscou seus direitos porque não os conhece bem ou acha que não vai dar em nada?

A Resolvvi é uma startup que tem como missão garantir o acesso à justiça para todos os brasileiros.

Este conteúdo é parte desse propósito e vai ajudar você a caminhar até os seus direitos como consumidor. Vamos com a gente?

Nos siga nas redes sociais:

E também faça parte da nossa comunidade de consumidores que não deixam barato e querem fazer justiça.

Sobre o autor(a)