Tempo de leitura: 7 minutos

Pode levar queijo no avião? Guia completo e dicas úteis

Descubra se você pode levar queijo no avião e como fazer isso sem complicações com as melhores dicas de como levar comida na bagagem!

Quando se trata de levar comida no avião, muitas dúvidas podem surgir.

Se você é um amante de queijo e está planejando uma viagem, é natural querer saber se pode levar seus favoritos a bordo.

Levar alimentos no avião pode ser um desafio, considerando as restrições de segurança e as políticas das companhias aéreas.

Mas resposta para a pergunta “pode levar queijo no avião?” não é tão simples quanto parece.

Então, se você quer levar para casa aquela lembrança gastronômica das suas férias, continue lendo para descobrir se podemos levar queijo no avião!

👉Um problema de voo gerou complicações na sua viagem? Descubra se você tem direito à indenização!

O que dizem as regulamentações sobre levar queijo no avião?

A resposta pode não ser tão simples, pois depende de uma série de fatores, especialmente do tipo de queijo e do destino da viagem.

Ao viajar para o exterior, é essencial estar ciente das normas de entrada de laticínios no país visitado.

Geralmente, os passageiro podem levar no avião queijos de longa maturação, mas desde que permaneçam na embalagem original com rótulos visíveis de marca e data de validade.

No entanto, queijos cortados em pedaços podem não ser levados no avião devido a preocupações de segurança alimentar.

Isso porque o queijo, quando repartido, abre uma porta de possibilidades para que mais bactérias se proliferem.

Já em voos nacionais, a maioria das companhias aéreas autoriza levar queijo na bagagem de mão assim como na bagagem despachada.

Mas é importante seguir as regras de peso e medidas e garantir uma boa vedação para evitar vazamentos, especialmente se optar pela bagagem despachada.

Portanto, ao planejar sua viagem e decidir levar queijo, é crucial conhecer as regulamentações específicas do país de destino.

Assim você fica por dentro das leis tanto nacionais quanto internacionais sobre transporte de alimentos.

Isso garantirá uma viagem tranquila e sem problemas para levar seus queijos favoritos no avião.

Descubra mais artigos relacionados:

Como transportar queijo com segurança no avião?

Transportar queijo durante uma viagem de avião requer alguns cuidados especiais, sobretudo com a embalagem e acomodação, que devem evitar vazamentos e serem originais.

Assim garantimos que o produto chegue ao destino em perfeitas condições e em conformidade com as regulamentações de segurança.

Segundo a instrução normativa instituída pelo Ministério da Agricultura, os queijos devem:

Estar acondicionados em sua embalagem original de fabricação, com rotulagem que possibilite a sua identificação, devidamente lacrados, sem evidência de vazamento ou violação.” Ministério da Agricultura sobre lei vigente para o transporte de queijo

É importante também estar ciente das restrições de entrada de produtos de origem animal, como é o caso de levar queijo no avião.

Isso porque estão limitados a até 5 quilos ou 10 quilos por pessoa, dependendo do produto.

Estes itens entram no cálculo da cota de isenção e podem estar sujeitos a taxa de importação.

Pelas regras da Receita Federal, o limite para isenção de impostos é de compras até US$ 500 para quem chega ao Brasil de navio e avião e até US$ 300 para quem viaja por terra.

É importante observar que alimentos in natura, a granel, fracionados e de fabricação caseira seguem proibidos.

Diversos produtos têm sua entrada vetada ou precisam de autorização prévia específica para entrar no país.

Portanto, é fundamental estar informado(a) sobre os limites quantitativos para determinados produtos poderem entrar no país sem estarem sujeitos à taxa de importação.

Pode levar queijo no avião? Guia completo e dicas úteis

Dicas adicionais para levar queijo com segurança no avião

Como dissemos, uma das principais dicas para levar seu queijo no avião sem enfrentar problemas é, em primeiro lugar, respeitar as restrições de cada país.

Além disso, o que faz uma enorme diferença é o modo de acondicionamento desse alimento.

Isso porque apesar de o seu queijo precisar estar em embalagem original e vedado, recomenda-se que o queijo não passe por refrigeração.

Isso se deve ao fato de que, caso o queijo comece a descongelar, pode liberar odores desagradáveis, o que pode ser inconveniente dentro da cabine. Levar comida congelada no avião requer muitos cuidados…

Para evitar vazamentos, é aconselhável colocar o queijo, ainda na embalagem original, dentro de uma sacola fechada, seja uma embalagem individual para cada item ou uma bolsa térmica.

Além de proteger o alimento, você pode impedir que haja vazamento e dano para suas outras coisas na mala, como roupas, por exemplo.

Por isso é preferível até levar o queijo no avião em uma bolsa térmica.

Ainda mais se o queijo já estiver refrigerado ou se passou por refrigeração de forma inevitável.

Outra razão para isso é se o queijo for aromático, embalá-lo em um recipiente hermético pode evitar que o cheiro se espalhe.

Além disso, queijos cremosos devem respeitar o limite de líquidos permitidos em voos.

Isso porque alimentos em pastas ou geleias são considerados alimentos líquidos e geralmente devem conter até 100 ml em embalagens individuais.

E se você teve problemas com voo cancelado ou voo atrasado, você pode até receber uma indenização! Conte com a Resolvvi para fazer justiça. Avalie seu caso grátis:

Juntos buscaremos uma indenização justa pelo dano que você sofreu. Tudo ocorre de forma 100% online, sem burocracias, e você só paga pelo serviço se ganhar.

FAQ – Saiba mais sobre “pode levar queijo no avião”

Posso levar queijo no avião?

Sim, mas é importante conhecer as regulamentações e escolher os tipos de queijo adequados.

Quais são os tipos de queijo permitidos?

Geralmente, queijos duros e embalados são mais aceitos, mas verifique as diretrizes específicas da companhia aérea.

Como embalar queijo para viagens aéreas?

Utilize recipientes herméticos e embalagens resistentes para evitar vazamentos e contaminação.

O que fazer se tiver queijo retido na inspeção?

Siga as instruções dos agentes de segurança e esteja ciente dos seus direitos como passageiro.

Quais são as alternativas ao transporte de queijo em voos?

Considere opções como lanches não perecíveis ou outros alimentos permitidos para evitar complicações.

Conheça a Resolvvi

💡 Já parou para pensar no número de consumidores que nunca buscou seus direitos porque não os conhece bem ou acha que não vai dar em nada?

A Resolvvi é uma startup que tem como missão garantir o acesso à justiça para todos os brasileiros.

Este conteúdo é parte desse propósito e vai ajudar você a caminhar até os seus direitos como consumidor. Vamos com a gente?

Nos siga nas redes sociais:

E também faça parte da nossa comunidade de consumidores que não deixam barato e querem fazer justiça.

Giovanna Damasceno da Resolvvi

Giovanna, ou Gio, é licencianda em Letras/Inglês de formação, mas é também fã de carteirinha do poder que o marketing de conteúdo tem para educar pessoas, principalmente quando o assunto é os direitos que as pessoas não sabem que têm.

Todos os posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *